Tudo sobre o mundo de vídeo-produção

Qual o melhor formato de vídeo para o Youtube?

No mundo do áudio e do vídeo existe uma grande quantidade de diferentes formatos, que se poderia dizer “dialetos”, muitos criados a vários anos atrás, outros nem tanto e outros ainda, mais recentes. Dentro dessa questão temporal, um fato a ser pensado é que à medida em que os anos foram passando, a qualidade das imagens que vemos, melhor dizendo, a melhor qualidade possível para se ver um conteúdo de vídeo foi cada vez aumentando mais.

Maior qualidade sempre esteve de maneira geral associada à maior quantidade de informações, pois para essa maior qualidade ser exibida como tal, são necessários muitos pixels (muitos pontos na imagem), o que se conhece como resolução. A resolução depende do hardware e do software, dois fatores que se desenvolvem sem parar desde que surgiu a informática. Maior capacidade de processamento aliada ao aumento da tecnologia foi trazendo e continua trazendo telas cada vez maiores e com imagens cada vez melhores a serem mostradas.

No entanto existe um constante gargalo: a tecnologia de exibição sempre esteve à frente das tecnologias disponíveis de armazenamento de informações: onde, afinal, conseguir guardar volume tão grande de dados para serem exibidos nas telas com definição cada vez maior? E quando se fala em exibição em telas, deve ser lembrado também o lado inicial da cadeia de geração dos conteúdos em vídeo: a fase de captação, onde a maioria das imagens nascem (quando não originam-se de softwares de manipulação e geração gráficas).

A resposta para esse dilema do armazenamento, oferecida pela tecnologia, foi a compressão das imagens, em uma relação de custo x benefício com diversas graduações: maior compressão, menor qualidade, menor compressão, maior qualidade.. mas… a ser exibida onde?

Esse lado final da cadeia, que em sua origem não passava de uma pequena tela eletrônica de exibição, a TV, com o tempo expandiu-se enormemente: um mesmo conteúdo produzido passou a poder ser exibido em uma variedade grande de tamanhos, tipos e qualidade de telas, desde a minúscula tela de um relógio de pulso à imensa tela em uma sala de cinema.

No meio dessa cadeia, surge o Youtube, abrangendo uma fatia de formas de exibição oscilando principalmente entre as telas de aparelhos celulares e laptops, com grande variação de capacidade de resolução na exibição de conteúdo.

O Youtube portanto necessita disponibilizar um determinado conteúdo de vídeo para poder ser visto com a melhor qualidade possível e ainda oferecer a possibilidade dessa qualidade se adaptar à velocidade da conexão e ao desejo do usuário em ver o conteúdo na resolução escolhida.

A quantidade de formatos aceita pelo Youtube é grande: MPEG4, AVI, MOV, FLV, WMV e diversos outros. No entanto, é importante não olhar somente para essa parte inicial do processo (upload) e sim, para o que acontecerá a seguir. Como foi referido acima, existe bastante diversidade entre os tipos de aparelhos ‘clientes’, ou seja, os aparelhos que serão utilizados pelas pessoas para assistirem esse conteúdo.

A partir desse conteúdo, o Youtube irá gerar versões com diferentes resoluções e formatos: 360p, 420p, 720p e também versões específicas para aparelhos móveis. Além disso, durante esse processo, buscará otimizar o vídeo para ser reproduzido de forma online da melhor maneira possível.

Assim, para se obter o melhor resultado, é bastante interessante que o formato do vídeo armazenado no Youtube seja o mais parecido (compatível) com o formato de vídeo que o reprodutor (player) é capaz de exibir e isso abre algumas questões: necessidade eventual de conversões, perda de qualidade nesses processos de conversão, tamanho do arquivo a ser convertido e tempo / consumo de dados no processo e outras.

Por tudo isso, a recomendação fornecida pelo Youtube para upload de um vídeo HD 1080p (formato mais comum gravado pelas câmeras dos consumidores atualmente) é enviá-lo em mp4, utilizando o codec H.264, com bitrate entre 15 a 20Mbps. Em termos de resolução, apesar de conteúdo inferior à HD também ser aceito, se o mesmo já estiver em HD o upload nessa forma irá garantir melhores resultados na visualização. Conteúdo em 4K (Ultra HD) também pode ser enviado.

A taxa bitrate indicada acima garante que as versões que vão ser geradas automaticamente pelo Youtube e disponibilizadas aos usuários mantenham qualidade mínima razoável – objetivo desejado por quem faz upload de conteúdos para a plataforma.

O formato mp4 (com seus codecs MPEG4 e H.264) é tratado pela quase totalidade dos equipamentos hoje em dia, com muitas vantagens: consegue comprimir com bastante eficiência e gerar arquivos pequenos ao mesmo tempo mantendo excelente qualidade na imagem reproduzida. Assim, é o formato ideal para upload na plataforma Youtube.

O frame rate máximo deverá ser 60fps e o aspecto da imagem, 4:3 para conteúdos antigos e 16:9 para conteúdos mais recentes, que já estejam nesse aspecto originalmente. O Youtube adicionará automaticamente barras verticais pretas no conteúdo 4:3 para exibí-lo no aspecto 16:9, não sendo assim necessário fazer qualquer tratamento em relação a isso antes do upload.

No caso do áudio, recomendam-se os formatos MP3 ou AAC, utilizando bitrate igual ou maior do que 192Kbps e taxa de amostragem (sample rate) de 44,1KHz.

#formatodevídeo #formatodevídeoparayoutube #vídeoparayoutube #youtube

Produtos

  • Câmeras Profissionais

  • DaVinci Resolve e Fusion

  • Switchers de Produção Ao Vivo ATEM

  • Ultimatte

  • Gravadores de Disco e Armazenamento

  • Captura e Reprodução

  • Digitalização de Filmes Cintel

Venda de equipamentos de informática,

 

foto, produção, áudio, vídeo, broadcast e cinema.

Blog

Fórum BCTV

Produtos

  • Conversão de Padrões

  • Conversores Broadcast

  • Monitoramento de áudio e vídeo

  • Equipamentos de Teste e Medição

  • MultiView

  • Roteamento e Distribuição

  • Streaming e Codificação

  • Atem Mini

  • Atem Mini Pro

Categorias

Suporte 

Horário de Atendimento

De 2ª à 6ª feira, das 9h às 18h

E-mail: comercial@bctv.com.br

Sobre a BCTV Projetos e Equipamentos

  • Sobre a Blackmagic Design

  • Sobre a BCTV Projetos e Equipamentos

  • Presença na SET Expo

  • Lançamentos NAB Blackmagic

Para mais informações sobre produtos e serviços da BCTV Projetos e Equipamentos preencha o formulário de contato e aguarde o breve retorno da nossa equipe de atendimento.

  • Facebook ícone social
  • Insta e-Black.com.br

2020 BCTV Projetos e Equipamentos

CLP SOLUÇÕES COMERCIO E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA EIREL - CNPJ: 29.494.455/0001-92

Rua Itapeva, 26 – Cj. 1106/1107 - Bela Vista - São Paulo – SP

comercial@bctv.com.br | (11) 4800-5015

Prazo de entrega de 2 a 30 dias úteis (podendo sofrer alteração dependendo da localização)

  • Email
  • Facebook ícone social
  • Insta e-Black.com.br